Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Malik, uma outra forma de poesia...

Malik, uma outra forma de poesia...

Ciúme

 

 

ciúme1.JPG

 

 

 

Andava meio cismado

por ver-te entediada,

nada fiz de errado

nunca saí do teu lado

mas senti-te melindrada;

 

Mudanças súbitas de humor

mostravam insegurança,

o teu olhar perdeu fulgor

fugias do nosso amor

ser feliz era lembrança;

 

Sentados a conversar

sobre nós e sem queixume,

acabei por constatar

o que nos estava a assombrar

era apenas o teu ciúme;

 

Será possível amar

verdadeiramente sem ciúme?

Depois de te abraçar,

sem nada para perdoar,

reacendemos o lume.

 

 

Malik

 

Sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D