Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Malik, uma outra forma de poesia...

Malik, uma outra forma de poesia...

Nada é em vão

 

 

nadaéemvão1.jpg

 

 

 

Nada é em vão

para tudo há uma razão

que por vezes nos escapa,

até o caos tem lugar

na hora de lamentar

os trilhos do nosso mapa;

 

Se a vida fosse serena

a alma seria pequena

o sonho perdia valor,

a paixão seria amena

o amor em quarentena

tudo perderia cor;

 

Pintemos a tela da vida

com música suave e colorida

de tons vivos em esperança,

que daqui a muitos anos

afirmemos sem enganos

que viver foi uma dança;

 

Dançada com razão e coração,

e nada,

nada foi em vão!

 

 

Malik

 

25 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D