Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Malik, uma outra forma de poesia...

Malik, uma outra forma de poesia...

Ninguém

 

 

ninguem1.jpg

 

 

 

 

Ninguém,

não é ser pois não existe,

qualquer ser, por mais triste,

será sempre alguém.

 

Eu não alcanço a razão

de haver quem faça questão

de fazer um ser sentir

que nada mais é que um ninguém.

Sobre esses eu antevejo

um amanhã de desejo

de que lhes chamem de alguém.

 

Não há bela sem senão

nem causa que não tenha efeito,

mas há gente sem coração

que nem merece perdão

pela falta de respeito

e vazio de compaixão

que habita no seu peito.

 

Ninguém,

será sempre alguém!

 

 

Malik

 

 

Sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

© 2017 Malik. Todos os direitos reservados.