Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Malik, uma outra forma de poesia...

Malik, uma outra forma de poesia...

Sonhos

 

 

sonhos1.jpg

 

 

 

Semeei sonhos nas minhas noites

para afastar os pesadelos,

fantasmas que me davam açoites

ou me afagavam os cabelos;

 

Nunca soube se lá estavas

como actriz ou figurante,

todas essas madrugadas

são agora águas passadas

em estado delirante;

 

Despertar num mar de medo

transpirado em terror,

vivendo isto em segredo

como se fosse um bruxedo

mesmo feito por amor;

 

Só que amar não é isso

posse não é permitido,

está para além do proibido

pois amar só tem sentido

se nada há de submisso;

 

Hoje a tranquilidade me invade

colho da sementeira

sonhos de liberdade

sem ciúme, sem tempestade

e durmo a noite inteira.

 

 

 

Malik

 

 

Sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

© 2017 Malik. Todos os direitos reservados.